Telemetria

Se quando o computador pessoal foi criado nos anos 1980 alguém pudesse dizer à seus progenitores que em menos de 30 anos teríamos ferramentas um milhão de vezes mais poderosas que aquelas, capazes de trocar informações em tempo real em qualquer lugar do mundo, dentro de nossos bolsos, nem mesmo o engenheiro mais entusiasta teria acreditado. O fato, porém, é que em três décadas os dispositivos tornaram-se inteligentes e conectados o bastante para fazerem parte de nossa vida de maneira irreversível e mudar a forma como nos relacionamos com atividades pessoais e profissionais para sempre. 

Dentro da indústria de desenvolvimento de componentes e maquinário não poderia ser diferente. Empresas que já buscavam tecnologia de ponta para realizar produtos cada vez mais capazes em suas atribuições, passaram a entender que a melhor maneira de otimizar sua engenharia estava em conseguir saber exatamente como os equipamentos se comportavam durante o uso e ao longo de sua vida útil. Desta forma seria possível fortalecer as fraquezas de desenvolvimento e entender necessidades dos clientes baseado em seu comportamento de uso.

A possibilidade de construir máquinas inteligentes capazes de gerar dados sobre si mesma não é uma tendência que agrada somente seus fabricantes. Os usuários destes equipamentos vêem neste sistema a vantagem de compreender os gargalos de produção, mal uso e deficiências que seu próprio fluxo de trabalho possa estar sofrendo, baseado nas informações emitidas por equipamentos em uso.

Levando em conta o tipo de equipamento fornecido pela Brasif Máquinas, estas máximas aplicam-se de forma ainda mais acentuada, permitindo telemetria completa para gestão de frotas. A empresa oferece o monitoramento dos equipamentos de suas duas principais linhas, com sistema Sitewatch da Case e o Hyster Tracker para as empilhadeiras da marca.

Além da tecnologia em si, a Brasif Máquinas alia uma equipe de especialistas para análise e leitura dos mais de 40 parâmetros de dados personalizáveis do sistema. O que significa que desde alertas emergenciais de segurança até a inteligência de negócios podem se beneficiar ativamente desta funcionalidade. Com os dados em mãos, os clientes podem levantar relatórios de desempenho, qualidade de serviços e cruzar dados de operação em caso de sinistros para averiguar melhores práticas e correções de processos. 

Do lado da Brasif Máquinas, os dados permitem oferecer à seus usuários um atendimento personalizado à seu negócio, tendo informações precisas para manutenções, substituições e casos de mal funcionamento de equipamentos. Claro que estes dados todos são de fácil acesso ao cliente que basta possuir um computador ou tablet conectado à internet.

Não dá mais para pensar em nenhum negócio moderno que não tire partido das tecnologias de Big Data e Inteligência oferecido pela era da Internet das Coisas. Estes são apenas alguns exemplos de como é possível revolucionar o seu negócio.